Filhos poderão processar pais por divulgação de fotos na internet

A maior utilização de smartphones popularizou as redes sociais

"Publicar fotos de menores na internet não é algo sem riscos", disse Delcroix, segundo ele os filhos poderão processar os pais no futuro por divulgar fotos na internet de quando eles eram crianças.

"A lei vai evoluir nos próximos anos. Filhos poderão processar seus pais alegando que eles não tinham o direito de publicar imagens que podem causar constrangimento", afirma o co-autor do livro As redes sociais são nossas amigas?.

"Se os filhos avaliarem que os pais cometeram violação da vida privada, eles poderão também exigir o pagamento de indenizações", afirma o especialista em internet.

Hoje na França, como em outros países, são os pais que detêm os direitos relacionados à autorização de fotografar menores de idade e de divulgação dessas imagens: "A jurisprudência evolui em função de mudanças de mentalidade e da sociedade. O problema virá à tona quando as crianças crescerem e tiverem consciência do impacto das imagens que foram divulgadas delas na internet", diz ele.

A maior utilização de smartphones (Crédito: Reprodução)
A maior utilização de smartphones (Crédito: Reprodução)


A publicação de fotos e vídeos também pode permitir a criação de uma espécie de "álbum digital" do menor de idade na internet, com a possibilidade de continuar acessível na rede quando a criança se torna adulta.

Outro risco é o de que as imagens possam ser utilizadas por pedófilos. De acordo com ele, esses criminosos podem criar um banco de imagens de crianças e até mesmo de bebês. "É possível inclusive identificar uma criança. Esse risco não existe apenas no Facebook, mas na internet de maneira geral", afirma.

Outro problema ocorre quando os pais não supervisionam o que os filhos publicam na internet: "Algumas garotas de 10 ou 12 anos publicam fotos imitando poses sensuais, até mesmo com o apoio da família, que faz comentários elogiosos, mas que podem ser vistas como sensuais por alguns adultos", acrescenta o especialista.

A maior utilização de smartphones nos últimos anos tornou mais rápida a divulgação de fotos e vídeos na internet, o que acabou aumentando consideravelmente essa prática.

Fonte: Com informações da BBC