Concursados serão chamados para ajudar no combate à dengue

Concursados serão chamados para ajudar no combate à dengue

A fundação trabalha no combate ao foco do mosquito transmissor da dengue Aedes Aegypti

Teresina vive um surto de casos de dengue tipo 4, nova modalidade da doença mais forte e mais perigosa. O número de pessoas em hospitais públicos e privados da capital com suspeita do novo tipo da doença é alarmante. O combate ao foco do mosquito é a principal medida preventiva adotada pela Prefeitura de Teresina em parceria com a Fundação Municipal de Saúde.

O administrador e presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), João Rodrigues, falou ao meionorte.com sobre algumas das medidas e precauções que a fundação vem adotando no combate a doença. ?Iniciamos um trabalho nas quatro zonas de Teresina para combater o vetor, com os agentes de endemias e as SDUs, para eliminar o foco do mosquito e conscientizar a população?, afirma João Rodrigues.

A fundação trabalha no combate ao foco do mosquito transmissor da dengue Aedes Aegypti, que se aloja em água limpa e parada. O mosquito da Dengue só pica durante o dia e seus ovos são muito resistente. Por isso o presidente acredita que é fundamental a participação de sociedade no combate ao foco do mosquito, permitindo o acesso dos agentes em suas residências, tendo o controle de água parada e não acumulando lixos nem resíduos.

?Se for necessário usaremos até o exercito para dá suporte ao combate, usaremos todos os recursos em combate ao foco do mosquito?, declarou o presidente da FMS. De acordo com Alexandre Almeida, o prefeito Elmano Férrer, liberou que a FMS convocasse os concursados para entrar no combate a dengue. ? Estamos fechando a lista e provavelmente na segunda-feira(14) começaremos a chamar os concursados convocados para já entrar no combate a dengue?, finalizou o presidente.

Psicólogos, radiologistas e outros profissionais estarão na lista de chamada da Fundação Municipal de Saúde, além dos terceirizados que serão trocados por concursados.

Fonte: Waldelúcio Barbosa