Foram liberados R$ 3,3 mi para a adutora de Piaus

barragem de Piaus, localizada na divisa dos municípios de São Julião e Pio IX, recebeu investimento de R$ 3,3 milhões referente a segunda parcela de

Por: Thays Teixeira

A barragem de Piaus, localizada na divisa dos municípios de São Julião e Pio IX, recebeu investimento de R$ 3,3 milhões referente a segunda parcela de um volume de R$ 34 milhões. Esse recurso é destinada para a construtora da Adutora de Piaus que deve canalizar água para cinco municípios nas proximidades da obra. O recurso foi encaminhado pelo Ministério da Integração via Plano de Aceleração do Crescimento (PAC). Anuncio este que deveria ter sido apresentado pelo presidente Lula no último dia 18 de janeiro quando estaria visitando as obras, mas a viagem foi cancelada.

Essa verba é parte dos R$ 137,8 milhões liberados pelo Ministério para obras de infraestrutura hídrica em sete estados do Nordeste, desse total o Estado do Piauí deve ser beneficiado com R$ 64 milhões, destinados para a construção adutora de Piaus e para já licitada adutora de Bocaína, que deverá consumir R$ 30 milhões. Outros R$ 140,7 milhões foram destinados para o Projeto de Integração do rio São Francisco com as Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional. A construção das adutoras são de responsabilidade da Secretaria Estadual de Meio Ambiente.

O Secretario Estadual do Meio Ambiente Dalton Macambira relatou que a adutora é a segunda experiencia desse tipo no Estado. O membro do primeiro escalão estadual lembrou que o Piauí já realizou a construção da adutora de Garincho, a iniciativa positiva atualmente beneficia 11 cidades. ? Esse sistema de adutoras regionalizada é uma experiência que deu certo e deve ser ampliada por todo Estado?, reiterou Macambira. A regionalização é a ação que compreende um grupo de municípios para uma mesma política pública.

A previsão para a conclusão dessa obra é dezembro de 2010. A respeito da construção da Adutora de Bocaína, Dalton foi animado ao declarar que pretende a celeridade na construção da obras estruturante. ? Mesmo com pouco tempo de efetivação da licitação pretendemos concluir essa terceira adutora também até o fim deste ano?, observou o secretario. O órgão estadual age em parceria com o Departamento Nacional de Obras Contra a Seca (DENOCS), este que é responsável pela construção da barragens de água.

O sistema de Adutoras é usado para que não seja mais preciso o uso de carros pipas na região do Semiárido piauiense. ?Queremos virar a página do uso do carro-pipa porque muitas vezes eles eram usados como arma de captação de votos?, alfinetou Macambira. O Secretario ressalta que essas canalizações de água acabam com a dependência direta da gestão pública e também agrega dignidade a população. ? Essas adutoras são verdadeiras estradas de água tratada e de qualidade?, concluiu o membro do governo. (T.T.)

Fonte: Jornal Meio Norte