Aluna diz que foi ameaçada após "selinho" em sua amiga

Aluna diz que foi ameaçada após "selinho" em sua amiga

A avó de uma das alunas alega que a estudante foi barrada na portaria da escola.

Uma foto de duas adolescentes de 14 anos dando um selinho dentro de um dos banheiros de uma escola particular no bairro Promorar, em Teresina, foi motivo de discussão. O selinho foi dado dentro de um dos banheiros e a foto foi publicada no facebook, o que gerou polêmica e muita confusão.

A avó de uma das alunas alega que a estudante foi barrada na portaria da escola. A coordenadora da escola, Maria da Paixão, contesta. ?Nós chamamos uma a uma para conversar. Uma delas agrediu muito a diretora com palavrões que eu, mesmo com 56 anos, não tenho coragem de dizer. Eu apenas disse a ela que o que ela fez não podia ser feito com ela vestida na farda da escola.?

?Eu vou voltar para a minha sala e se acontecer alguma coisa comigo, eu não sei o que vou fazer! Eu vou fazer besteira! Besteira! Eu não admito que fale da minha família?, disse a menor ao assegurar que vai seguir as normas da escola. ?O selinho aconteceu, foi brincadeira, mas eu não tenho culpa de terem colocado no Facebook?, conclui.

?A menina chegou em casa dizendo que na escola falaram que iam arrancar a roupa dela e que ela ia para casa nua. Pela farda eu paguei, então porque ela não pode chegar em casa vestida? Isso é só porque ela não queria expor o nome do colégio dela?, reclama a avó.

A diretora da escola, Neusa Macêdo, explica o caso dizendo que ?foi dito a ela que ela não podia fazer isso com a farda. Chamei o pai dela. A menina conversou muito alterada comigo e ainda colocou o dedo no meu rosto. Eu disse a ela que, dessa forma, ela não queria que ela continuasse na escola.?

Fonte: Denison Duarte