Funcionário morre esmagado por avião no Aeroporto de Porto Alegre

Por meio de nota, a Latam diz que também está apurando as causas

Um funcionário da companhia aérea Latam morreu na segunda-feira (11) após ter sido esmagado pelo rodado – estrutura que prende duas rodas – de um avião nesta madrugada no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre. Segundo a Polícia Civil, que investiga o caso, Adriano Luiz Schuck, de 34 anos, chegou a ser atendido no Hospital Cristo Redentor, mas não resistiu.

O delegado Cleber Ferreira, responsável pelo caso, acredita que um "erro de comunicação" entre funcionários responsáveis por manobrar a aeronave tenha provocado o acidente. Ele explicou que um mecânico fica na cabine para pedir autorização para a torre de controle para mover a aeronave por meio de um reboque, enquanto o outro funcionário é responsável pela movimentação.

"Ele [Adriano] estava no trem de pouso, e o rodado esquerdo da aeronave dilacerou toda a perna esquerda. Ele acabou falecendo", disse o delegado, que não acredita que algum crime tenha sido cometido, mas segue investigando o caso. "É claro que a situação é incomum, então temos que ver se houve mesmo essa falha de comunicação, inadvertidamente, ou se tratou de uma imperícia ou imprudência", disse.

Por meio de nota, a Latam diz que também está investigando o caso. "A LATAM Airlines Brasil lamenta o falecimento do seu  funcionário em Porto Alegre. A companhia está investigando as causas deste acidente e solidariza a dor com os seus familiares e amigos, e segue prestando toda a assistência necessária a sua família", diz o texto.

Image title

Image title

Fonte: Com informações do G1