Funcionários que filmaram corpo de Cristiano Araújo são demitidos

Os dois podem pegar de 1 a 3 anos de prisão.

Durante todo o dia desta quinta-feira (25), pessoas de todo o Brasil foram bombardeadas com fotos e vídeos do cantor Cristiano Araújo já morto e em procedimentos que não deveriam ser divulgados. Um vídeo de uma suposta preparação do cantor para o seu velório feita em uma clínica de Goiânia vazou na internet e se alastrou para todo o Brasil.

Nas imagens é possível ver um funcionário preparando o corpo aberto do sertanejo enquanto uma mulher realiza a filmagem, chegando até a mandar ‘tchauzinho’, dar um leve sorriso para a câmera e mandar o homem tirar a costela do rosto do cantor para que pudesse continuar filmando. O caso gerou muita revolta no país e os dois funcionários da Clínica Oeste Tanatopraxia foram demitidos por justa causa ainda na quinta-feira.

A clínica responsável divulgou uma nota informando que repudia com veemência a ação dos dois funcionários que gravaram e divulgaram imagens de Cristiano. Os acusados prestaram depoimento à delegacia da cidade durante toda a madrugada e ambos responderão pelo crime de vilipêndio a cadáver, que prevê de 1 a 3 anos de prisão e pagamento de multa.

Image title

Nota na íntegra

"Em virtude dos últimos acontecimentos envolvendo a divulgação de imagens do corpo do cantor Cristiano Araújo, a Clínica Oeste vem a público informar que repudia com veemência o ato dos dois funcionários que, de maneira mórbida, gravaram e divulgaram tais imagens.

A clínica tem como procedimento orientar sua equipe que, inclusive, assina regulamento interno de trabalho e Ordem de Serviço de Segurança e Medicina do Trabalho individual para cada caso, documentos estes que proíbem que toda e qualquer etapa do trabalho desenvolvido na empresa seja gravado, fotografado e, principalmente, divulgado.

Diante do erro cometido por dois funcionários de seu quadro profissional, a clínica informa que não é conivente com este tipo de conduta e que já tomou as providências legais para efetuar as demissões por justa causa.

A Clínica Oeste existe há quatro anos e reitera seu compromisso com a ética, a transparência, o zelo pela prestação do serviço e o respeito às famílias, e se solidariza com todos os que, como ela, repudiam tal ato."

Image title

Acidente

Cristiano Araújo, de 29 anos, e sua namorada Allana Moraes, de 19 anos, morreram em um acidente de carro na BR-153, em Goiás. Eles foram enterrados por volta do meio-dia desta quinta-feira, no Cemitério Jardim das Palmeiras, em Goiânia.

Segundo a Polícia Militar, mais de 1,5 mil pessoas, entre familiares e fãs, acompanharam a cerimônia. Outras duas pessoas, o empresário de Cristiano, Victor Leonardo, e o segurança que dirigia o veículo, Ronaldo Ribeiro, tiveram ferimentos leves e passam bem.

Fonte: Com informações do R7