Polícia apura acidente de jet ski que matou jovem no PI

A polícia de Campo Maior ainda apura as circunstâncias do acidente.

22/02/2012 - 13:41
Júlio César Gomes, 19, estava na garupa de um jet ski quando o piloto perdeu o controle do equipamento.
Júlio César Gomes, 19, estava na garupa de um jet ski quando o piloto perdeu o controle do equipamento.
Foto: Reprodução/Facebook

O Corpo de Bombeiros do Piauí encontrou nesta terça-feira (21) o corpo de um jovem de 19 anos que morreu após o jet ski onde ele estava perder o controle e virar na barragem Corredor, no município de Campo Maior (81 km de Teresina) –um dos principais balneários da região central do Estado. O acidente aconteceu na tarde da segunda-feira (20).

Segundo testemunhas informaram à polícia, Júlio César Gomes estava na garupa do piloto, identificado como José Martins, quando, após uma manobra brusca, o piloto teria perdido o controle do jet ski e os dois ocupantes caíram na água.

Martins conseguiu nadar e chegar até a margem, sem ferimentos, enquanto Júlio teria sido atingido na cabeça pelo equipamento e ficado desacordado na água. Nenhum dos dois usava coletes salva-vidas no momento do acidente.

Como o balneário não tinha salva-vidas de plantão, o socorro teria levado mais de uma hora para chegar ao local e iniciar as buscas pela vítima. O trabalho foi encerrado no início da manhã desta terça-feira, quando o corpo foi localizado boiando em um local próximo ao acidente.

A delegacia regional de Campo Maior informou que um inquérito já foi aberto para investigar as circunstâncias do acidente. O condutor do jet ski deve ser chamado para depor ainda esta semana. O policial responsável não soube informar se o piloto era habilitado ou se o jet ski era regularizado. As investigações devem durar até 30 dias.

Julio Gomes era natural de Campina Grande (PB) e estudava direito na Uespi (Universidade Estadual do Piauí).

FONTE: UOL

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ver mais+

DEIXE SEU COMENTÁRIO

voltar para o topo