Gerências Regionais de ensino iniciam fiscalização nas escolas de rede estadual

Para diminuir os índices, a Secretaria de Educação e Cultura (Seduc), através da Gerência Regional de Educação (GRE), iniciaram o monitoramento das escolas da rede estadual de ensino

CONFIRA A REPORTAGEM COMPLETA NA EDIÇÃO DESTA TERÇA-FEIRA (07) DO JORNAL MEIO NORTE

Professores concursados têm o dever de frequentar e ministrar aulas nas unidades de ensino a qual cumprem carga horária. No entanto, alguns não comparecem, tendo como consequência crianças e adolescentes prejudicadas. Para diminuir os índices, a Secretaria de Educação e Cultura (Seduc), através da Gerência Regional de Educação (GRE), iniciaram o monitoramento das escolas da rede estadual de ensino.

De acordo com Luiza Solano, Gerente de Inspeção Escolar da Seduc. A fiscalização fica a cargo da quarta, décima nona, vigésima e vigésima primeira GRE. “De segunda a quinta-feira as Gre's do estado fazem o monitoramento priorizando a falta de professores, pois alguns são encaminhados para as escolas e não comparecem a sala de aula”, explica.

Dessa forma, a Seduc informa que orientação pretende avaliar, além da frequência escolar de professores, também servidores e alunos que devem cumprir 200 dias letivos e 800 horas de trabalho pedagógico. Ainda, as escolas serão avaliadas dentro das propostas pedagógicas, calendário, regimento escolar e mapa de matrícula.

Repórter: Daniely Viana

Fonte: Daniely Viana