Golpe da 'ligação premiada' faz outra vítima que é lesada em quase R$ 1000

De acordo com o Boletim de Ocorrência (B.O.), a senhora recebeu a ligação de um numero com prefixo do Ceará

A Diarista Rozineide Maria da Conceição, de 54 anos, residente no Bairro São Francisco em Cocal, caiu no golpe da falsa premiação por meio de ligação telefônica em seu aparelho celular e perdeu a quantia de R$ 999,88 (novecentos e noventa e nove reais e oitenta e oito centavos). Fato ocorrido no final da manhã desta quinta-feira (27/11).

De acordo com o Boletim de Ocorrência (B.O.), a senhora recebeu a ligação de um numero com prefixo do Ceará [(085) 9922-2628], na qual o estelionatário se apresentou com um nome provavelmente fictício de Marcos Vinicius, dizendo ser um funcionário da operadora telefônica TIM. Ele informou que ela havia sido contemplada com uma premiação de R$ 25 mil reais através de sorteio, mas para receber o referido prêmio teria que informar o numero do seu CPF, de seu endereço residencial e depositar alguns valores antecipadamente para cobrir despesas administrativas. 

Ela acreditou e se dirigiu a Agência da Caixa Econômica Federal onde realizou uma transferência bancaria no valor de R$ 699,88 (seiscentos e noventa e nove reais e oitenta e oito centavos) para a conta de numero 4366.013.00.005.497-0, pertencente a Juliana Ximenes do Nascimento e um depósito no valor de R$300,00 (trezentos reais) na conta de Domingos Sávio de Oliveira, de numero 0926.013.0001 4009-7. A vitima ainda informou ao criminoso o numero do seu CPF e de seu endereço residencial.

Horas depois, quando não conseguiu restabelecer contato com o falso funcionário da TIM, percebeu que havia caído no golpe e procurou a delegacia para denunciar o caso. A polícia tem dificuldade em investigar essa modalidade de crime, porque normalmente as ligações são efetuadas por detentos em complexos penitenciários de outros estados. Para fazer esses contatos, eles conseguem aparelhos telefônicos burlando a segurança dos presídios.

Fonte: Blog do Coveiro