Governo apresentará projeto da nova Ceapi a permissionários

A reunião será na próxima quarta-feira (1°), às 9h.

Os permissionários da Central de Abastecimento do Piauí (Ceapi) receberam na manhã desta segunda-feira (30), o convite para reunião de apresentação da versão final dos estudos de viabilidade e modelagem para o projeto de expansão, reforma, modernização, operação e manutenção da nova central piauiense. A reunião será na próxima quarta-feira (1°), às 9h, no auditório do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE). Cerca de 800 convites foram distribuídos no mercado do entreposto.

Os representantes da União de Permissionários da Ceapi (UPC) também receberam os convites e confirmaram a participação na reunião. “Acreditamos que este projeto trará as melhorias que tanto almejamos. Nós, permissionários, temos uma boa expectativa para o andamento deste momento importante. As providências para modernização do nosso mercado são extremamente necessárias, estamos otimistas que tudo dará certo e participaremos de todas as etapas deste processo”, disse Robert Eudes Nunes de Sousa, presidente da UPC.

O Comitê Gestor de Parcerias Público-Privadas (PPP) do Estado do Piauí aprovou apresentará o novo projeto para os permissionários do entreposto. A superintendente da Suparc, Viviane Moura, adianta que o projeto possibilitará, através dessa parceria com o setor privado, a ampliação, reforma e estruturação do espaço para melhorar a qualidade do serviço prestado tanto para o permissionário quanto para o pequeno produtor, com reflexo direto do serviço prestado para o consumidor final.

“O projeto propõe a construção de espaço exclusivo para o mercado atacadista, mais organizado, estruturado de acordo com as normas de Ceasa e de um mercado varejista, composto de boxes de varejo específicos para a venda direta ao consumidor, de frutas, hortaliças, carnes, pescados e grãos e produtos alimentícios industrializados, além de espaços para restaurantes, praça de alimentação, lojas e boxes para produtos diversos”, disse Viviane Moura.

O valor previsto para investimento em obra e equipamentos será de R$ 47.016.012,76, através de CDRU com prazo de contrato de 25 anos. O propósito do governo do Estado é transformar a Central de Abastecimento do Piauí num centro de distribuição, comercialização e abastecimento de gêneros alimentícios do Nordeste.

Fonte: Com informações do Portal do Governo do Piauí