Greve na Eletrobras pode chegar ao fim nesta semana no Piauí

Greve na Eletrobras pode chegar ao fim nesta semana no Piauí

O diretor de Imprensa do Sindicato dos Urbanitários, Herbert Marinho, afirma que há a expectativa de que se chegue a um acordo

A greve dos servidores da Eletrobras no Piauí poderá chegar ao fim esta semana. Hoje (29) se reúnem representantes da Federação Nacional dos Urbanitários e da Eletrobras, no Tribunal Superior do Trabalho (TST), em Brasília, para uma audiência de conciliação. Na terça-feira (30) será realizada uma assembleia para discutir o resultado da audiência e definir os rumos da greve.

O diretor de Imprensa do Sindicato dos Urbanitários, Herbert Marinho, afirma que há a expectativa de que se chegue a um acordo.

"Esperamos que haja uma proposta que contemple os trabalhadores e também seja boa para a empresa. Nós já havíamos buscado alternativas para que seja viabilizada uma boa proposta, junto a políticos e até à presidenta Dilma Rousseff.

Pedimos em carta, que foi entregue nas mãos dela, que fizesse uma intermediação junto à Eletrobras, para que seja deixada de lado toda essa indiferença com que a empresa tem tratado os trabalhadores. Estamos esperançosos", afirmou.

A categoria reivindica reposição da inflação, mais 3% de aumento real, o que representa atualmente um índice próximo de 10%. A Eletrobras oferece 6,49%, correspondente ao IPCA-IBGE acumulado de maio de 2012 a abril deste ano.

Também pedem auxílio-educação, revisão no Plano de Cargos, fortalecimento do setor elétrico estatal, extensão de plano de saúde aos aposentados. A data-base é 1º de maio.

Além de buscar um reajuste salarial, a classe também reclama da ameaça de perda de direitos históricos como o congelamento do Adicional por Tempo de Serviço (ATS), diminuição da gratificação de férias, restrição do pagamento da periculosidade em algumas atividades, ameaça de retirada do adicional por tempo de serviço, dentre outros.

A paralisação teve início no dia 15 de julho e na sexta-feira (26) o TST determinou o retorno imediato às atividades de pelo menos 75% dos servidores da Eletrobras Distribuição Piauí. Na ultima quarta-feira, a instituição conseguiu liminar suspendendo parcialmente a greve.

A determinação do ministro Carlos Alberto Reis de Paula não foi por achar a greve abusiva. Ele determinou o aumento do efetivo durante o movimento devido ao fato de o serviço prestado pela estatal ser de caráter essencial.

Fonte: Pollyana Carvalho