HILP e HPM viram exemplo e referência no atendimento a população em Teresina

HILP e HPM viram exemplo e referência no atendimento a população em Teresina

Após um período de intensa reforma, que gerou reclamações dos usuários o Hospital Infantil Lucídio Portela vive hoje uma realidade diferente

O HILP deu um salto no atendimento pediátrico no Piauí. Após a reforma da enfermaria, ambulatórios, centro cirúrgico e UTI, a unidade de saúde saiu de 450 consultas por mês para 1.700. Para se ter uma ideia do avanço, desde maio de 2012 a unidade de saúde realiza cirurgia de cálculo urinário em crianças. O HILP se prepara para implantar o projeto ?Escola ?Hospitalar?. O objetivo é o acompanhamento escolar de crianças hospitalizadas por tempo prolongado. Atualmente, o HILP dispõe de 77 leitos de enfermaria e nove leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

O HPM se tornou garantia de retaguarda para pacientes oriundos do Hospital de Urgência de Teresina (HUT). Só nos três primeiros meses deste ano, a unidade de saúde atingiu a marca de 25.551 atendimentos, entre atendimentos gerais, consultas, internações, exames e cirurgias.

Além de mutirões ortopédicos, que ajudam a desafogar o HUT, o HPM dispõe de serviços odontológicos, colonoscopia, eletrocardiograma, endoscopia, fisioterapia, internação clínica, junta médica, patologia, radiologia, ultrassonografia, serviço social, e psicologia.

O Governo do Estado investiu cerca de R$ 1,7 milhão para reformas no setor de internação, setor administrativo, nos consultórios, além da compra de novos equipamentos. Em 2012, o HPM realizou mais de 88 mil atendimentos.

Fonte: Jornal Meio Norte