Estava um pouco nervosa em voltar, diz Luiza que está há dois dias no Brasil; leia!

Estava um pouco nervosa em voltar, diz Luiza que está há dois dias no Brasil; leia!

Com um cachê maior que o do pai, Luiza grava, semana que vem, um comercial.

Havia dois dias que Luíza não estava mais no Canadá. Como uma Big Brother, ela estava confinada desde terça-feira (17) em um hotel no Ibirapuera, na Zona Sul de São Paulo. Nesta quinta (19), a jovem de 17 anos contou como recebeu à distância, lá no Canadá, a notícia de que seu nome tinha se transformado em um meme na internet.

Toda a repercussão se deve a uma única frase: "Menos Luíza, que está no Canadá", dita por seu pai, o colunista social Gerardo Rabello, durante a propaganda de um lançamento imobiliário em João Pessoa. Luíza estava no Canadá havia seis meses para intercâmbio.

?Eu estava um pouco nervosa em voltar, não sabia o que me esperava por aqui. Estava ansiosa pela repercussão [da propaganda] e por voltar, ver a família que não via há tempo, amigos, o namorado. Foi bastante impactante?, conta Luiza sobre sua volta ao Brasil, que foi antecipada. O programa de intercâmbio que ela participava já estava no fim e a adolescente voltaria do Canadá no dia 29.

Luiza ficou sabendo da repercussão em torno do seu nome pelo Facebook. Duas amigas mostraram para ela o sucesso do meme nas redes sociais. ?Fiquei assustada, não sabia o que fazer, pensei em deletar minha conta no Twitter. Mas liguei para ?painho? e ele me acalmou.? Segundo ela, os amigos também a tranquilizaram, aconselhando-a a levar tudo na brincadeira. ?De repente estava todo mundo falando de mim. Foi muito estranho?.

De volta ao Brasil, Luiza diz que ainda não foi reconhecida nas ruas nem no hotel. Logo ao chegar, na terça, gravou em São Paulo a propaganda do prédio residencial que lhe rendeu fama. O novo comercial deverá ir ao ar nesta quinta na Paraíba. Nesta quinta-feira, ele esteve na TV Globo em São Paulo para uma entrevista ao Jornal Hoje. Agora, ela analisa convites para outros comerciais. ?Já fizemos alguns contatos com agências de propaganda. Não posso decidir nada por ela. Ela vai fazer comerciais se quiser?, adiantou Gerardo.

Agora no Brasil, Luiza quer voltar a João Pessoa. Ela se diz ansiosa para rever amigos, irmãos e o namorado, que estava na Austrália quando ficou sabendo que a adolescente tinha se tornado uma web celebrity. ?Tudo isso é uma coisa muito nova para mim.?



No Canadá, Luiza estudava o equivalente à segunda série do ensino médio. ?Agora quero voltar a estudar e passar no vestibular de primeira?, diz Luiza, que ainda não decidiu que carreira seguir.

Sobre o carnaval, Luíza, que costuma passar o feriado em João Pessoa e no Recife, diz que ainda não tem planos. "Acabei de voltar. Não sei nem o que vou fazer amanhã, quanto mais no carnaval", brinca.

Se Luíza pretende ir de novo ao Canadá? "Claro que pretendo voltar ao Canadá. Fiz amigos lá para a vida inteira."

Ficar confinada por dois dias foi considerado um sacrifício pela adolescente. ?A pior coisa é mentir, se esconder. Mas se eu falasse que estava voltando, seria mais tumulto do que já está sendo, o que nem eu nem meus pais queríamos?, afirmou a jovem, que se diz tímida. ?Quase morri. Eu que amo sair, tive que ficar dois dias parada. Foi um sacrifício?.

Agora no Brasil, Luiza quer voltar a João Pessoa. Ela se diz ansiosa para rever amigos, irmãos e o namorado, que estava na Austrália quando ficou sabendo que a adolescente tinha se tornado uma web celebrity. ?Tudo isso é uma coisa muito nova para mim.?

No Canadá, Luiza estudava o equivalente à segunda série do ensino médio. ?Agora quero voltar a estudar e passar no vestibular de primeira?, diz Luiza, que ainda não decidiu que carreira seguir.

Sobre o carnaval, Luíza, que costuma passar o feriado em João Pessoa e no Recife, diz que ainda não tem planos. "Acabei de voltar. Não sei nem o que vou fazer amanhã, quanto mais no carnaval", brinca.

Se Luíza pretende ir de novo ao Canadá? "Claro que pretendo voltar ao Canadá. Fiz amigos lá para a vida inteira."

Fonte: Globo.com