Homem ateia fogo em casa para matar a própria família

Segundo relatou o sargento Marcos, a autoridade policial, Tafareu tentou matar sua companheira Marianny Bonfim após as ameaças de morte, ateando fogo nos utensílios do lar.

Após consumir bebidas alcóolicas, um homem ateou fogo dentro de casa, com as próprias filhas dentro, para atingir a esposa. Diante disso, uma guarnição da Polícia Militar, comandada pelo sargento Marcos Antônio, foi acionada para prender o autor identificado pelo nome de Tafareu Rodrigues de Sousa, 26 anos, no Assentamento Cajueiro, no Distrito de Irrigação Tabuleiros Litorâneos (DITALPI), onde mora com a esposa e duas filhas.

Segundo relatou o sargento Marcos, a autoridade policial, Tafareu tentou matar sua companheira Marianny Bonfim após as ameaças de morte, ateando fogo nos utensílios do lar. Ele juntou na cozinha, as roupas e a documentação da esposa, fogão, botijão de gás, geladeira e ateou fogo por volta de 01h deste sábado (20/12). Duas meninas, filhas do casal, dormiam em um quarto. Como a fumaça estava intensa e com o risco de haver explosões, Marianny Bonfim retirou as filhas de casa. A de um ano e cinco meses já estava com falta de ar.

Os vizinhos interviram e passaram tentar debelar o incêndio. Um deles disse que o botijão não explodiu porque estava quase vazio. No entanto, o restante ficou destruído. Inclusive a instalação elétrica ficou comprometida, o que potencializava os riscos de explosão. Marianny disse que seu marido Tafareu é uma pessoa boa; mas quando ingeri bebida alcoólica, a ameaça de morte.

Os vizinhos relataram que o acusado promovia quebradeira em casa e jogava as roupas da esposa na rua. A guarnição do sargento Marcos fez a condução do acusado juntamente com a vítima para a centra de flagrantes. No percurso o acusado continuava ameaçando a esposa de morte e que o faria quando estivesse solto.






Fonte: Proparnaíba