Homem desempregado tenta se jogar de novo de torre no interior do Piauí

Homem desempregado tenta se jogar de novo de torre no interior do Piauí

Houve negociações e José Carlos conseguiu hospedagem e uma passagem para Recife

O homem que disse estar tentando se suicidar se jogando de uma torre em José de Freitas aplicou o mesmo golpe em Floriano na última quarta-feira. Alegando estar desempregado e ser morador de rua, o golpista chamou a atenção de curiosos, da Polícia, do Corpo de Bombeiros e de autoridades de Floriano. José Carlos subiu em uma torre de telefonia celular, no Bairro Tiberão, ameaçando se jogar. Ele pediu a presença da polícia, da imprensa e de autoridades. O fato durou por volta de 3 horas.

Houve negociações e José Carlos terminou conseguindo hospedagem em um hotel e vai receber passagem para Recife, além de outras despesas. Até entidades filantrópicas foram envolvidas.

Há três dias, na cidade de José de Freitas, ele aplicou o mesmo golpe com a mesma ameaça de se jogar de uma torre, ele conseguiu ganhar alimentação e o dinheiro da passagem para Teresina.

O "suicida" chegou a dizer que era pastor em José de Freitas. Lá, a Juiza da cidade, Maria Zilnar, foi quem participou da negociação. Em Floriano, quem intermediou para que José Carlos não se jogasse da torre foi o Promotor Edimar Piauilino.

Segundo o site www.primeiraedicao.com.br, com o mesmo nome, José Carlos já aplicou o golpe da torre em Maceió e no interior do Estado de Sergipe

Depois de mais de quatro horas de negociação, José Carlos Conceição cedeu aos apelos da Polícia Militar (PM) e do Corpo de Bombeiros Militar (CBM) e desceu da torre da Claro, da Rua do Sol. José Carlos subiu na torre por volta das 12h30, ameaçando se jogar de uma altura equivalente a um prédio de três andares.

Fonte: Socorró Carcará