Homem é detido após atirar sapato em juíza dentro de tribunal

Homem é detido após atirar sapato em juíza dentro de tribunal

Repórteres que estavam presentes no local disseram que dois sapatos foram lançados contra Beinisch,

A chefe do Tribunal Superior de Justiça de Israel foi atingida no rosto nesta quarta-feira (27) por um sapato lançado por um espectador no tribunal, disseram testemunhas do ataque.

"No meio do processo judicial, vimos um sapato voar do público. Ele atingiu a juíza, Dorit Beinisch, bem entre os olhos. Ela caiu no chão", disse o advogado Tal Ron na Rádio Israel.

"(O agressor) gritou "você é corrupta, você me prejudicou"", disse Ron. "Guardas da segurança o agarraram imediatamente. Ele parecia um louco".

Repórteres que estavam presentes no local disseram que dois sapatos foram lançados contra Beinisch, mas o segundo errou o alvo. O marido de Beinisch disse que a juíza levou um "tremendo golpe" que a derrubou da cadeira.

Mas ele disse à rádio: "Ela está se sentindo melhor e acredita que poderá retornar para continuar o processo".

O incidente ocorreu durante uma audiência sobre o uso médico da maconha. A rádio informou que o agressor era um homem de 52 anos com uma queixa sobre um outro caso.

Fonte: g1, www.g1.com.br