Homem que achou envelope com R$ 600 e pagou conta vive de "bicos"

Homem que achou envelope com R$ 600 e pagou conta vive de "bicos"

Apesar de prestar serviços como segurança, gaúcho não tem emprego fixo.

Um homem que pagou a conta de uma mulher desconhecida após ter achado um envelope com R$ 600 em São Leopoldo (RS) está desempregado, apesar de realizar alguns "bicos" como segurança. Marco Antônio da Silva, de 32 anos, sonha em trabalhar com futebol e deseja fazer um curso de técnico, mas tem enfrentado dificuldades financeiras. Apesar de o valor equivaler a mais de oito dias de trabalho como segurança (ele ganha R$ 70 a diária, quando há alguma oportunidade), o rapaz diz que nem sequer chegou a pensar em ficar com a quantia encontrada.

"Em nenhum momento passou pela minha cabeça ficar com o dinheiro. Fiz o que é certo", destaca.

Sobre sua atual situação, Marco revela: "Estou desempregado. Gosto mesmo é de trabalhar com futebol. Já atuei em times aqui do Rio Grande do Sul, na comissão técnica, com uniformes dos atletas. Gosto da função de braço-direito do treinador".

O gaúcho encontrou o boleto com o dinheiro na última quarta-feira (2), quando esperava o ônibus em uma parada na Avenida Feitoria, no bairro Rio Branco. Nesse momento, uma mulher passou por ele de moto e deixou cair o envelope.

Depois de efetuar o pagamento, Marco comprou um celular e postou uma mensagem no Facebook para tentar identificar a dona do boleto de crédito educativo (financiamento para custear os estudos). "Meu celular tinha estragado. Fui correndo comprar um novo, aí compartilhei e pedi para meus amigos ajudarem. Não demorou muito e a encontramos", relata.

A conta pertencia à corretora de imóveis Karine Peyrot, de 41 anos. Os dois ficaram amigos depois que uma amiga de Karine a avisou sobre o post na rede social. "Agora, só quero poder ajudá-lo no que for necessário. Ele me contou desse desejo de trabalhar com futebol", diz.

Fonte: G1