Hospital de Timon realiza campanha para doação de sangue nesta quinta-feira

O diretor geral do hospital, Danízio Marabuco, explica que a ação é estratégica, pois o Carnaval é uma das épocas em que mais se registram acidentes de trânsito e pessoas necessitando de transfusão.

Com o intuito de montar um estoque de sangue para o período carnavalesco, o Hemomar, Centro de Hematologia do Maranhão, organiza uma campanha para doação de sangue no Hospital Regional Alarico Nunes Pacheco que acontecerá exclusivamente na quinta-feira (5), de 8h às 17h.

O diretor geral do hospital, Danízio Marabuco, explica que a ação é estratégica, pois o Carnaval é uma das épocas em que mais se registram acidentes de trânsito e pessoas necessitando de transfusão de sangue. O cidadão que doar sangue receberá uma camiseta da campanha. “A vida precisa de sua ajuda” e será testado para uma série de enfermidades.

“Sabemos das dificuldades enfrentadas por bancos de sangue de todos os estados para encontrar doadores, especialmente no período da festa de momo, tradicionalmente conhecida como Carnaval.

E este é o período onde há mais demanda pelo líquido, tendo em vista o aumento do número de acidentes automobilísticos. Isso se soma às nossas necessidades diárias, pois precisamos de sangue para possibilitar a realização de algumas cirurgias e também para atender pacientes internados.

Atualmente nosso estoque está em baixa, por isso tomamos a iniciativa de nos antecipar e arrecadar bolsas sanguíneas desde já”, explica o doutor Danízio Marabuco.

Doar sangue é um hábito de solidariedade que pode salvar a vida de até quatro pessoas diferentes e o diretor geral afirma não ter dúvidas de que a campanha será um sucesso.

Para participar da campanha, o doador precisa ter entre 16 e 69 anos, pesar ao menos 50 quilos, ter tido uma boa noite de sono e não ter consumido bebida alcoólica ou tabaco nas últimas 12 horas.

Os candidatos devem portar um documento de identidade com foto e apresentá-lo no momento da doação. Pacientes menores de 18 anos devem ir acompanhados de pais ou responsáveis.

Danízio alerta que o sangue colhido não será destinado exclusivamente à cidade de Timon e poderá ser remanejado para Teresina ou outras cidades vizinhas, caso seja necessário. Sobre o fato da campanha ser realizada algumas semanas antes do Carnaval, o médico esclarece que uma bolsa de sangue tem validade de 30 dias, mas quase nunca passa tanto tempo estocada.

“Temos uma relação de interdependência e podemos nos ajudar mutuamente. Pela demanda elevada da época, temos certeza que todas as bolsas arrecadas serão utilizadas durante o período carnavalesco. E se não forem, poderão ser destinadas para outras unidades do Maranhão e Piauí”, adianta o diretor.

Doador ganhará brinde e check-up

A campanha "A vida precisa de sua ajuda" é realizada em Timon pelo Hospital Regional Alarico Nunes Pacheco, não recebe nenhum fundo orçamentário e conta com a participação de parceiros da sociedade civil. Os doadores que participarem do ato receberão uma série de benefícios, como uma camiseta personalizada.

Além disso, o ato de doar sangue garante ao cidadão um teste completo para uma série de enfermidades, como hepatite, HIV, doença de Chagas e outras. Danízio enfatiza que a doação é benéfica para o corpo humano, pois estimula a medula óssea a produzir mais sangue. Além de salvar até quatro vidas.

"O sangue tem vários componentes que pode beneficiar uma série de pacientes. Uma mesma doação atinge uma série de pessoas em necessidade do líquido. O brinde simbólico da camiseta é uma forma de reconhecermos e valorizarmos este ato de solidariedade", destaca o médico.

Hospital planeja outras campanhas para doação de sangue

Por se tratar de um centro de saúde regional, Hospital Alarico Nunes Pacheco não realiza coletas regulares de sangue. A ação foi desenvolvida especialmente para arrecadar mais bolsas que serão utilizadas durante o período carnavalesco, época com grande demanda pelo líquido.

Mas a direção já planeja uma série de campanhas sazonais para doações voluntárias. "Os períodos mais críticos para nós são as épocas de festas como Carnaval e festa junina. Por isso, estamos planejando ao menos três outras campanhas em 2015", pontua o diretor Danízio Marabuco.

Clique aqui e curta o Meionorte.com no Facebook

Fonte: Olegário Borges