HUT informa que 92% dos acidentes de final do ano no PI foram com motocicletas

HUT informa que 92% dos acidentes de final do ano no PI foram com motocicletas

Outras 1000 pessoas passaram pelo HUT com problemas diversos, o que gerou problemas por falta de macas, em razão do acúmulo de pacientes.

O Hospital de Urgência de Teresina (HUT) tornou-se um verdadeiro suplício para quem precisou dos serviços de atendimento médicos durante o feriado de fim de ano. 92% dos registros foram de acidentes de motos, ou seja, 882 pessoas, segundo o hospital, precisaram ser atendidas entre 19 de dezembro de 2013 e 01 de janeiro de 2014.

Outras 1000 pessoas passaram pelo HUT com problemas diversos, o que gerou problemas por falta de macas, em razão do acúmulo de pacientes. O cenário desta quinta-feira, 02, é de pacientes aglomerados nos corredores e na porta do hospital por falta de vagas nas enfermarias. A situação tem provocado queixas constantes por parte de quem precisou do hospital durante o período.

Dona Delma fala da insatisfação pela demora no atendimento do filho que sofreu um acidente de moto. ?Ele passou o dia inteiro ontem (quarta-feira) e não foi atendido. Até a documentação dele foi perdida e, depois que eu briguei muito, entrei lá e disse a ao médico que queria o meu problema resolvido.?

A diretoria do HUT reconhece a dificuldade. ?Se eu tenho um hospital com uma capacidade X de atendimento e, de repente, eu tenho um aumento dessa demanda eu tenho uma sobrecarga de serviços para o pessoal do plantão, para os equipamentos na realização de exames, além do próprio ambiente físico, que fica lotado. Quanto mais cheio, menor a qualidade do atendimento, menor a qualidade da assistência?, disse o diretor do HUT, Gilberto Albuquerque.

A diretoria afirma ainda que, em razão do Réveillon, muitos médicos faltaram aos expedientes, o que contribuiu bastante para a superlotação do hospital.

Fonte: Denison Duarte