IAPEP antecipa npagamento de janeiro a clínicas e hospitais conveniados

O diretor explicou que as reuniões de planejamento desses setores passam a ser quinzenais, embora a próxima esteja marcada somente para o dia 10 de abril, por conta do feriado da Semana Santa.

O Iapep-Saúde abriu nesta sexta-feira (20) o sistema financeiro para recebimento de notas fiscais de serviços médicos prestados em janeiro de 2015, antecipando o calendário acordado com o Sindicato dos Hospitais do Piauí, na reunião da última quarta-feira (18), quando ficaram estabelecidas as datas de pagamento dos meses em atraso referente aos exercícios de 2014 e 2015.

O diretor-geral do Instituto de Assistência e Previdência do Estado do Piauí, Marcos Steiner Mesquita, coordenou hoje uma reunião de planejamento dos setores diretamente ligados á gestão do Iapep-Saúde e Plamta, para dar cumprimento ao que ficou acertado com esses prestadores em relação ao pagamento pelos procedimentos realizados a pacientes dos planos de saúde, que juntos atendem a mais de 380 mil usuários, servidores e familiares.

“A reunião também serviu para conhecermos as demandas dos setores, inclusive as gerência do Plamta e Iapep-Saúde, financeiro, planejamento, quando foi colocado que há carência de pessoal, estrutura, enfim. Os servidores reclamam que estão trabalhando no limite e que há urgência na disponibilidade de pessoas e de melhoria da estrutura que atende os dois planos”, adiantou Steiner.

O diretor explicou que as reuniões de planejamento desses setores passam a ser quinzenais, embora a próxima esteja marcada somente para o dia 10 de abril, por conta do feriado da Semana Santa.

“Queremos estabelecer um planejamento de metas a serem alcançadas ao longo dos próximos meses, de modo a resolver todas as demandas que estão colocadas neste momento. Estamos trabalhando para tornar o Iapep mais humano e eficiente para todos, do funcionário que trabalha no órgão, aos servidores e dependentes, bem como aos profissionais e estabelecimentos credenciados ao Iapep-Saúde e Plamta”.

Números impressionam

Segundo dados do Iapep-Saúde, referente a novembro do ano passado, havia 757 clínicas e hospitais credenciados, com 4.053 profissionais atendendo a uma demanda de 192.250 beneficiários, sendo 72.426 titulares, 96.856 dependentes diretos e 22.968 dependentes suplementares.

Em relação ao Plamta, de acordo com dados de dezembro de 2014, havia 195.689 beneficiários (vidas ativas), dos quais 63.154 titulares, 132.535 dependentes, atendidos em 647 clínicas e hospitais conveniados por um corpo clínico de 1.401 profissionais.

Fonte: Assessoria