Idoso de 75 anos sofre parada cardíaca e morre em motel com a amante no RN

O homem mantinha relações extra-conjugais há dois anos com uma mulher

Um idoso de 75 anos de idade morreu no quarto de um motel localizado na avenida Omar O"Grady, zona Sul de Natal. De acordo com a gerência do estabelecimento, o homem estava acompanhado da amante quando teve uma parada cardíaca. "Ele era cardíaco e tinha ponte de safena. Foi ela quem nos pediu socorro quando percebeu que seu acompanhante estava passando mal", relatou o gerente.

Conforme informações repassadas pelo gerente, o homem mantinha relações extra-conjugais há dois anos com uma mulher. Foi ela quem o acompanhava durante o incidente e comunicou o fato à gerência do motel, que acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Entretanto, quando os enfermeiros e médicos da ambulância chegaram ao quarto do motel, o idoso já estava morto. "Não houve tempo de socorrê-lo", afirmou o gerente.

A Polícia Militar foi acionada para isolar a área e três viaturas estavam dentro do estabelecimento até o final da colheita do depoimento da mulher que acompanhava o idoso, realizada pela Polícia Civil. Uma viatura do Instituto Técnico e Científico de Polícia (Itep) realizou a perícia técnica no apartamento no qual ocorreu o fato. Pelo menos dois carros de empresas funerárias acompanhavam a movimentação do lado de fora do motel com o intuito de oferecer à família do morto serviços funerários.

Fonte: G1