Ifet em Angical é inaugurado

A reforma do prédio para a instalação custou investimento da ordem de R$ 3.090.865.81.

O governador Wilson Martins inaugurou nessa terça-feira, 20, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (Ifet) de Angical, a 129 quilômetros da capital, no Médio Parnaíba. O Instituto representa uma grande conquista para os jovens da região na área do ensino profissionalizante. O governador e sua comitiva, que contou com a presença do ex-governador Wellington Dias, foram recepcionados pela prefeita Márcia Lopes, autoridades políticas e populares. A reforma do prédio para a instalação custou investimento da ordem de R$ 3.090.865.81.

Segundo o governador Wilson Martins, Ifet transformará o município de Angical em um importante polo educacional, com incentivo ao empreendedorismo e à qualificação de mão-de-obra. ?O Ifet é muito importante, porque vamos preparar nossos jovens para o mercado de trabalho?, disse. O governador falou ainda que o prédio do Ifet em Angical é um dos mais bonitos do Estado em termos de estrutura.

Para ele, esta beleza se reflete também na importância do Instituto para a vida dos jovens da região, pois acredita que somente há transformação quando se aposta em educação. ?Esta transformação é que nos anima neste Piauí grandioso?, destacou. O governador frisou que o trabalho continua, mesmo com a conclusão de mais um Ifet. ?O trabalho continua, árduo, persistente, de forma que o Piauí segue se desenvolvendo?, ressaltou. O governador falou ainda que gosta de participar da vida dos municípios.

O diretor-geral do Ifet em Angical, Guilherme Berçantes, disse que a escolha da cidade para a instalação do Ifet foi pela localização geográfica, por possuir capacidade para atender toda a população do Médio Parnaíba. O campus vai desenvolver um trabalho articulado com o objetivo de promover o desenvolvimento dos jovens da região.

Serão oferecidos cursos técnicos na área de comércio, informática e outros. De acordo com o diretor do Ifet está previsto para 2011, o funcionamento do curso de física. Este trabalho incentivará a pesquisa e extensão. ?O instituto dispõe de professores capacitados, que ministrarão aulas em três turnos, para 400 alunos, divididos em 10 salas. Cada uma com 40 alunos?, disse Guilherne Berçantes.

O empresário Jorge Lopes disse que não somente o município de Angical lucra com o Instituto, mas a grande região. ?Isto aqui é algo que hoje está concreto, mas era um sonho, aqui é um exemplo do que se tornará a população jovem do Médio Parnaíba. Não queremos um futuro ruim nem para os jovens do Médio Parnaíba, nem de Angical e nem para nenhum jovem dos municípios vizinhos?, disse.

A prefeita Márcia Lopes também expressou sua satisfação pelo Ifet, agradecendo ao presidente Lula pela brilhante ideia de levar o Ifet aos municípios do interior. Ela não esqueceu do apoio da bancada do Piauí na Câmara Federal, a todos os prefeitos da região que se comprometeram em colaborar no transporte dos alunos de seus municípios ao Ifet.

Alcance do Ifet na região

O reitor Francisco Santana falou que pretende se reunir com todos os prefeitos para traçarem os planos de como vão atrair os jovens de toda a região. Ele lembrou que não foi fácil conseguir a construção do Ifet para Angical, como também a outros municípios do Piauí. ?Hoje existem três unidades a licitar: Oeiras, Pedro II e São João do Piauí, em uma segunda etapa, ainda para este ano, vão construir o Ifet em Campo Maior e Valença?, disse.

Fonte: CCOM, www.pi.gov.br