Igreja quer mobilizar todos os credos em torno de campanha

Igreja quer mobilizar todos os credos em torno de campanha

Neste ano, a Campanha da Fraternidade tem como objetivo disseminar o conceito de bem viver.

A Arquidiocese de Teresina lançou, na manhã de ontem, no Palácio Episcopal, a Campanha da Fraternidade 2012, que este ano destaca a saúde pública e suas variantes. Com o tema “Fraternidade e Saúde Pública”, e o lema “Que a saúde se difunda sobre a terra” (cf. Eclo 38,8).

A campanha foi lançada em uma coletiva de imprensa, seguida de café da manhã. De acordo com o texto base, a campanha buscará refletir sobre a situação da saúde no Brasil.

“Queremos mobilizar não só os católicos, mas pessoas de todos os credos”, disse o padre Leonildo Campelo, coordenador da campanha. O administrador arquidiocesano, padre Tony Batista, também comentou sobre a iniciativa.

“Hoje, o Brasil é uma das maiores economias do mundo. Também temos serviços de ponta no que diz respeito à saúde. Mas o grande problema é a falta de universalização: enquanto uns tem total acesso a esses serviços, outros não têm nada. Isso não é justo e nem humano. Queremos promover essa reflexão”, disse o religioso.

O presidente da FMS, Luiz Ayrton Santos Júnior, também esteve presente no lançamento da campanha. “A mensagem de Deus é fácil de ser compreendida, e é importante discutir a saúde também nesse aspecto”, disse ele.

Como já é tradição, a campanha abre a quaresma. Neste ano, a Campanha da Fraternidade tem como objetivos específicos disseminar o conceito de bem viver e sensibilizar para a prática de hábitos de vida saudável, difundir dados sobre a realidade da saúde no Brasil e seus desafios, como sua estreita relação com os aspectos socioculturais de nossa sociedade, entre outras metas.

A Assembleia Legislativa do Estado e a Câmara de Vereadores de Teresina vão oferecer sessões solenes voltadas para a campanha.

Fonte: Dowglas Lima