Imprudência dos motoristas atrapalha trânsito no centro de Teresina; entenda!

Imprudência dos motoristas atrapalha trânsito no centro de Teresina; entenda!

A população reclama agora das irregularidades na Avenida Maranhão

Mesmo com recentes operações da Superintendência Municipal Transportes e Trânsito (STRANS) para coibir que condutores estacionem de maneira irregular no centro da cidade, ainda existe bastante imprudência e os motoristas insistem em estacionar em vagas proibidas. Segundo a STRANS, desde que a operação foi iniciada já foram apreendidos 40 veículos.

A população reclama agora das irregularidades na Avenida Maranhão em frente ao Troca-troca, onde carros e motos estacionam frequentemente, se aproximando das paradas de ônibus da via e tumultuando o tráfego.

O comerciante Luiz Gonzaga Rodrigues, que vende eletrodomésticos no Troca-troca, avalia que isso atrapalha bastante, principalmente porque em frente ao local, o excesso de veículos impede o embarque e desembarque de mercadorias. ?Isso atrapalha. Muitas vezes o carro anda tão perto a ponto de peitar no outro. A STRANS multa direto.

Tem até a placa (de proibido estacionar) de alerta, mas moto e carro estacionam aqui direto?, observa e constata que a cada dia é mais difícil a locomoção com o tráfego intenso e o constante desrespeito às normas de trânsito.

Para o mototaxista João Laurindo Silva, esta situação atrapalha o fluxo de ônibus. Além disso, o estreitamento do espaço na Avenida Maranhão já quase provocou o atropelamento de ciclistas, que, segundo ele, são um dos que mais sofrem, pois sem ciclovias, não conseguem sequer andar pelo acostamento, correndo risco entre os veículos no meio da avenida.

Ele ressalta que os próprios mototaxistas que ficam em alguns pontos de ônibus são prejudicados porque não conseguem sair devido aos carros.

?Tem gente que estaciona o carro aqui e fica o dia inteiro. Se fosse para comprar algo no Troca-troca e ficar 10 minutos, no máximo, tudo bem. Mas passam o dia todinho e dia de sábado aqui está mais cheio ainda?, adverte se queixando da falta de consciência dos motoristas que estacionam em local proibido e somem pelas ruas do centro da cidade, retornando muito tempo depois.

A STRANS informa que o trabalho dos agentes de trânsito em breve alcançará a Avenida Maranhão. Por haver apenas um guincho para realizar as operações de fiscalização e reboque, as ações estão se concentrando nas ruas do centro há cerca de três semanas. Após a Avenida Maranhão, também está sendo avaliada a possibilidade de levar a operação para os bairros da cidade.

Fonte: Virgínia Santos