Incêndios: atenção deve ser redobrada em casa com gás, eletricidade e velas

Incêndios: atenção deve ser redobrada em casa com gás, eletricidade e velas

Alguns cuidados em casa podem minimizar os riscos de incêndios. Observar a estrutura dos equipamentos de gás e de eletricidade pode evitar acidentes

Depois da tragédia na cidade de Santa Maria (RS), ocasionada por um show pirotécnico, a população tem ficado cada vez mais temerosa com os riscos que os acidentes envolvendo fogo podem proporcionar. Mas os riscos não se restringem às casas noturnas e nas próprias residências a segurança deve ser reforçada.

Dentro de casa, os maiores riscos podem ser ocasionados pelo simples vazamento de gás. ?É preciso verificar as instalações e sua validade, além da substituição de mangueiras quando necessário. Também não é recomendado deixar a mangueira por trás do fogão?, esclarece major José Veloso, gerente de Engenharia do Corpo de Bombeiros.

A eletricidade também deve ser observada. É preciso atenção às instalações elétricas e às dimensões adequadas dos fios. Segundo major Veloso, estes simples artefatos podem se tornar um perigo, uma vez que sua má utilização pode causar sobrecarga de energia e consequentemente incêndios. Um mal aterramento das casas também pode ocasionar oscilação de energia e prejudicar o funcionamento dos aparelhos, que podem queimar.

Os casos mais simples, como aqueles envolvendo ambientes com velas, também são grandes causadores de acidentes. ?Ambientes com velas na presença de crianças também são perigosos, assim como aqueles em que as velas são esquecidas em cima de algum cômodo da casa?, acrescenta o major Veloso.

Quando, mesmo com precauções, estes problemas aparecerem, uma medida imediata deve ser tomada fazendo- se uso de água ou areia. O corpo de bombeiros também deve ser acionado, através do 193, porém é preciso um trabalho imediato porque logo após a chamada, a equipe ainda gasta 30 segundos para se organizar e sair.

Fonte: Thauana Cavalcante