Aeroportos de Paris têm 40% dos voos cancelados após tempestade de neve

Tempestades devem piorar, segundo os serviços meteorológicos. Neve também castiga outras regiões da Europa.

A intensa nevasca que afeta a região de Paris e grande parte da França provocou o cancelamento de 40% dos voos dos dois principais aeroportos da capital da França, Orly e Roissy, segundo os responsáveis.

"Como esperado, o tráfego sofreu perturbações. O cancelamento de 40% de voos, como solicitado pela DGCA, está sendo aplicado", disse à France Presse um porta-voz da Aéroports de Paris (ADP), que recomenda aos passageiros a não irem ao aeroporto sem a confirmação do voo com sua companhia.

A previsão era de que a tempestade, rara na capital da França, piorasse nas próximas horas.

Segundo a ADP, a situação manteve-se "calma" neste domingo nos aeroportos de Orly e Roissy, apesar das dificuldade de acesso.


Aeroportos de Paris têm 40% dos voos cancelados após tempestade de neve

A companhia Air France anunciou que iria assegurar seus voos de longo percurso, apesar da neve, mas faria o mesmo apenas com 60% de seus voos de curta e média distância nos dois aeroportos de Paris.

A companhia alertou que atrasos e cancelamentos de última hora poderiam ocorrer.

Cinquenta e três departamentos que cobrem o norte e sudoeste da França foram colocados em alerta laranja pelo serviço de meteorologia francês, por causa do risco de neve e gelo. A queda de neve pode atingir de 15 a 20 centímetros, de acordo com o serviço.

A neve também causa transtornos em outras regiões da Europa, como Alemanha, Reino Unido, Portugal e Espanha.

No aeroporto de Frankfurt, o mais movimentado da Europa, a neve fez com que mais de 120 voos tivessem que ser cancelados.

Fonte: G1