Após ganhar R$ 476 mi na loteria e gastar apenas R$ 44 mil, homem volta ao trabalho

Após ganhar R$ 476 mi na loteria e gastar apenas R$ 44 mil, homem volta ao trabalho

Adrian gastou apenas 17 mil euros (R$ 44 mil) da fortuna, que ele usou para comprar um carro Ford Kugas.

O britânico Adrian Bayford, que ganhou com sua mulher o equivalente a R$ 476 milhões na loteria europeia em agosto, voltou a trabalhar, relatou o "Mail Online" nesta segunda-feira (1º). O casal se tornou famoso no país por optar não esbanjar o dinheiro e preferir levar uma vida normal.

Dono de uma loja de instrumentos musicais, Adrian gastou apenas 17 mil euros (R$ 44 mil) da fortuna, que ele usou para comprar um carro Ford Kugas.

Com o dinheiro, seria possível comprar quase 9 mil unidades do veículo, conta o jornal.

A mulher do casal, Gillian Bayford, pretende deixar o emprego de auxiliar clínica na ala infantil do hospital para ter mais tempo para cuidar dos dois filhos, de 4 e 6 anos, ainda de acordo com o jornal.

Casal ganha prêmio

O casal britânico Adrian e Gillian Bayford mostrou em agosto que o dinheiro fácil não subiu à cabeça, segundo o diário britânico "Telegraph".

Os Bayford e os filhos viajaram para comemorar o prêmio em um avião comercial da easyJet, empresa aérea econômica.

Na véspera, o casal disse que ainda não sabia ao certo o que fazer com tanto dinheiro.

Gillian contou que deu um "susto" no marido quando viram a notícia de que o ganhador do prêmio sorteado era de sua cidade, Haverhill, em Suffolk.

Primeiro, ela disse que tinha se esquecido de comprar bilhetes.

Depois, foi à cozinha conferir os números e descobriu que tinha acertado o prêmio principal.

Gillian contou ao marido que eles estavam ricos e ele começou a gritar. Ela ainda tentou evitar que ele acordasse as crianças, mas não foi mais possível.

"Nenhum de nós dois ainda entendeu bem quanto 148 milhões de libras são. Sempre trabalhamos e economizamos para as férias ou para coisas de que precisávamos", disse Gillian na época.

"Compramos [o bilhete] porque precisávamos de dinheiro", contou Gillian Bayford.

"Todos estão sem dinheiro por causa da recessão e este mês foi particularmente difícil, para ser honestos. Foi muito duro".

"Este dinheiro vai nos dar uma grande ajuda", disse Adrian em agosto.

Fonte: G1