Argentino, novo pontífice afirma que cardeais foram buscá-lo "quase no fim do mundo"

Argentino, novo pontífice afirma que cardeais foram buscá-lo "quase no fim do mundo"

Após a brincadeira, o papa "agradeceu muito a comunidade diocesana de Roma pela acolhida" e fez uma oração ao antecessor

No primeiro discurso após ser escolhido papa, o argentino Jorge Mario Bergoglio, 76, que escolheu o nome de Francisco 1º, brincou e disse que os cardeais que o elegeram pontífice o buscaram "quase no fim do mundo", em referência ao seu país de origem.

"Nos reunimos para escolher o novo papa. Me parece que meus irmãos cardeais foram busca-lo [o novo papa] quase no fim do mundo. Mas aqui estamos."

Após a brincadeira, o papa "agradeceu muito a comunidade diocesana de Roma pela acolhida" e fez uma oração ao antecessor. "Antes de mais nada, gostaria de fazer uma oração pelo nosso bispo emérito Bento 16."

Depois da oração, o sumo pontífice pediu "paz e unidade à Igreja em todo o mundo" e pediu que a humanidade siga o "caminho da fraternidade". "Vamos sempre orar uns pelos outros. Vamos sempre orar com o mundo todo, pra que sempre haja bastante fraternidade."

Em seguida, pediu aos fiéis que orem por ele e abençoou os cristãos com a oração "De Roma para o mundo".

Fonte: UOL