Arthur chega à Carolina do Norte como furacão da categoria dois

Arthur chega à Carolina do Norte como furacão da categoria dois

Ao menos 6.500 pessoas já ficaram sem energia elétrica e onze condados decretaram o estado de emergência

Arthur atingiu a costa do estado americano da Carolina do Norte na madrugada desta sexta-feira, como furacão da categoria dois na escala Saffir-Simpson, que vai até cinco, informou o Centro Nacional de Furacões (NHC).

O furacão tocou a terra às 23H15 locais (00H15 Brasília), na zona de Shackleford Banks, entre Cabo Lookout e Beaufort, com ventos de 160 km por hora, segundo o NHC.

Arthur havia se tornado furacão da categoria 2 às 22H00 de Brasília, quando estava a 165 km ao sudoeste de Cabo Hatteras, na Carolina do Norte (sudeste), que já sofria com fortes ventos e chuvas torrenciais.

O furacão ameaça a região dos Outer Banks, conhecida por seus hotéis, e as autoridades ordenaram a evacuação de diversas zonas, incluindo a ilha Hatteras.

O governador da Carolina do Norte, Pat McCrory, pediu que a população respeite os avisos para abandonar a região.

"Agora nos preocupamos com as pessoas no interior do estado que possam ser afetadas por inundações e deslizamentos", disse McCrory.

Ao menos 6.500 pessoas já ficaram sem energia elétrica e onze condados decretaram o estado de emergência. A Guarda Nacional mobilizou um contingente de 100 homens para eventuais operações de resgate.

Alguns condados decretaram o toque de recolher e proibiram a venda de bebidas alcoólicas.

O NHC advertiu "para a possível formação de tornados sobre partes da costa da Carolina do Norte".


Arthur chega à Carolina do Norte como furacão da categoria 2

Arthur é o primeiro furacão a tocar a terra na região desde Isaac, em 2012.

Segundo a imprensa, o litoral das Carolinas do Norte e Sul esperava meio milhão de visitantes no fim de semana do 4 de Julho, um dos principais feriados do país.

Desfiles e espetáculos com fogos de artifício para comemorar a data foram adiados na Costa Leste.

Zonas costeiras da Carolina do Norte poderão enfrentar inundações de até cinco metros e receber até amanhã 150mm de chuva.

A Agência Oceânica e Atmosférica Americana (NOAA) prevê uma temporada com entre oito e 13 tempestades tropicais e entre três e seis furacões.

Fonte: Terra