Aula de tipos sanguíneos revela traição e termina em separação

A esposa iniciou uma relação extraconjugal com dois anos de casada.

Uma aula de biologia sobre os diferentes tipos sanguíneos levou ao divórcio de um casal, depois que um aluno questionou suas origens e descobriu que seu pai "oficial" não é o biológico.

A lição levou o menino a questionar em casa como seu sangue é tipo B se seus dois pais têm sangue tipo A, o que gerou as suspeitas do pai.

Um exame de DNA comprovou que a criança não é seu filho biológico, e no julgamento pelo divórcio, ganho pelo pai, se descobriu que a esposa iniciou uma relação extraconjugal com dois anos de casada e acabou ficando grávida do amante, conta o periódico "Lianhe Bao".

O casal tem outros dois filhos, uma menina e um menino, este nascido após a relação extraconjugal.

Fonte: UOL