Barcelona começa hoje  a multar quem abordar prostitutas nas ruas

Barcelona começa hoje a multar quem abordar prostitutas nas ruas

Barcelona começa hoje a multar, em até R$ 7,5 mil, quem for flagrado abordando prostitutas na rua

A partir desta sexta-feira, a cidade de Barcelona tornará mais rigorosa uma lei que proíbe, desde 2006, a prostituição de rua. A principal mudança, além do endurecimento nas sanções para clientes e cafetões em relação às garotas de programa, é o fim de necessidade de aviso prévio por parte dos policiais (antes, as punições só aconteciam em caso de reincidência). O jornal espanhol ?El Mundo? informa, ainda, que os primeiros dias da nova regra serão apenas informativos.

Agora, quem for abordado tentando pagar por sexo em vias públicas receberá uma multa de entre 1.000 e 1.200 euros (R$ 2.500 a R$ 3 mil). Se a infração for cometida numa distância de até 200m de escolas, o valor sobe para até 1.500 euros (ou cerca de R$ 3,7 mil). A sanção pode chegar a até 3 mil euros (em torno de R$ 7,5 mil) se o ato sexual for praticado na rua.

Já as prostitutas são punidas de forma mais branda, além de terem a opção de cancelar a pena se aceitarem partipar de ?cursos de inserção?. Os valores das multas, para as profissionais, variam entre 100 e 750 euros, no máximo - o equivalente a R$ 250 e R$ 1.870, respectivamente.

Fonte: Extra