Brasileira espanca filho de 7 meses na Itália

O menino foi levado ao pronto socorro pelo pai

Uma brasileira, 28 anos, foi presa nesta sexta-feira por espancar o filho de sete meses na na cidade de Gioia Del Colle, localizada na província de Bari, sul da Itália. O bebê foi internado em estado grave e corre risco de morte. As informações são da agência Ansa.

A mulher, que possui cidadania italiana e não teve seu nome divulgado, teria cometido o ato de violência após uma briga com seu companheiro e pai da criança. O bebê permanece no setor de reanimação de um hospital pediátrico da região, onde passará por exames que determinarão se sofreu danos neurológicos.

O bebê apresenta fraturas no crânio, em sete costelas, nos dedos das mãos, em um fêmur e úmero, além de ter sofrido mordidas pelo corpo e possuir marcas e feridas, possivelmente provocadas por queimaduras. Já no hospital, a criança sofreu dois colapsos cardíacos.

O menino foi levado ao pronto socorro pelo pai e, depois de examinado, foi transferido à cidade de Bari devido à gravidade do caso. De acordo com as análises, as lesões não foram provocadas por uma queda acidental, como declarou a mãe, e nem foram causadas em uma única circunstância.

Os maus tratos vinham acontecendo há vários meses, mas se agravaram há dois dias, quando a mulher espancou a criança com extrema violência. A polícia descobriu que o pai, um artesão, 35 anos, também era agredido e mordido pela companheira.

A Justiça de Bari emitiu uma ordem de prisão contra a brasileira sob a acusação de maus tratos agravados por lesões gravíssimas.

Fonte: Terra, www.terra.com.br