Brasileiras escapam de incêndio em apartamento na Bélgica

Brasileiras escapam de incêndio em apartamento na Bélgica

Fogo teria sido provocado por ex-namorado de amiga, diz brasileira

Três brasileiras que vivem na Bélgica escaparam na manhã de quarta-feira (15) de um incêndio no apartamento em que moravam, na capital belga Bruxelas. Segundo uma das moradoras, a goiana Monique Franco, o fogo pode ter sido um ataque criminoso provocado por um ex-namorado de uma das amigas, inconformado com o fim da relação.

?O incêndio foi por volta de 10 horas da manhã. Felizmente não tinha ninguém em casa. No sábado, fomos à polícia porque ele estava cada vez mais agressivo e fazendo ameaças. Levamos os documentos para provar que estávamos regularizando nossa situação [de imigrantes], mas eles disseram que não podiam fazer nada?, contou Monique.

Na segunda, de acordo com a brasileira, o ex-namorado da amiga teria arrombado a porta do apartamento e incendiado. ?Ele ligou para um amigo nosso em comum e disse: ?Fiz um churrasco no apartamento de suas amigas??. O fogo atingiu todo o apartamento e também o de um vizinho, no piso inferior. Ninguém ficou ferido.

As ameaças, segundo a brasileira, começaram em janeiro deste ano, quando a amiga, a também brasileira Cerlijane Sampaio, teria terminado a relação após desentendimentos depois que ela revelou estar grávida. Inconformado, o rapaz, de origem egípcia, começou a ameaçar a ex e, segundo Monique, dizia querer levar o bebê, hoje com 3 meses.

Desde então, afirma Monique, a amiga recorreu pelo menos três vezes à polícia belga, mas não obteve ajuda. ?Soubemos depois que ele já teve passagem pela polícia por tráfico de drogas, mas a polícia dizia que sem agressão não podia fazer nada.?

Abrigada em casa de amigos, a brasileira, que vive na Bélgica há 4 anos e trabalha como diarista, contou ter perdido tudo no incêndio. ?Perdemos tudo, virou cinza e ele continua a ligar para minha amiga e a fazer ameaças?, disse.

Fonte: g1, www.g1.com.br