Brasileiras são suspeitas de liderar esquema de prostituição nos EUA

A prisão teria ocorrido depois que outra brasileira relatou à polícia ter sido obrigada pela dupla a se prostituir por nove meses.

Duas brasileiras foram presas anteontem na Flórida (EUA) sob suspeita de comandar um esquema de prostituição na cidade de Boca Raton, segundo o jornal "Sun Sentinel".

A prisão teria ocorrido depois que outra brasileira relatou à polícia ter sido obrigada pela dupla a se prostituir por nove meses.

Segundo o jornal, ela já morava no país quando Sara Marin, 42, ofereceu-lhe um trabalho como acompanhante e garantiu que não havia sexo envolvido.

Após vários jantares e almoços, ela disse ter sido levada pela parceira de Marin, Denise McCoy, 34, para um programa e obrigada por McCoy a se prostituir, sob ameaças de ser entregue à imigração.

Fonte: G1