Nos Estados Unidos, ex-coreógrafo brasileiro é condenado a 10 anos por estuprar aluna

Nos Estados Unidos, ex-coreógrafo brasileiro é condenado a 10 anos por estuprar aluna

Silva, que esteve da primeira a quarta temporada do reality show de dança, também será fichado como criminoso sexual

O brasileiro Alex da Silva, ex-coreógrafo do programa de dança americano "So You Think You Can Dance", foi condenado a dez anos de prisão pelo estupro de uma estudante de dança e pela tentativa de estupro de uma outra, nos Estados Unidos. As informações são do site TMZ.

Ele foi preso em 2009 acusado de abusar sexualmente quatro mulheres entre 20 e 26 anos, todas ex-alunas suas de dança. Foi condenado pelo crime contra duas delas.

Silva, que esteve da primeira a quarta temporada do reality show de dança, também será fichado como criminoso sexual.

Fonte: EGO