Caminhoneiro ganha na loteria e compra antiga empresa

O felizardo adquiriu no mês de janeiro 100% do capital social da empresa, localizada na Normandia (França)

Um motorista de caminhão, ganhador de 10 milhões de euros na loteria francesa, comprou a empresa de transportes na qual trabalha há quase 30 anos e que se encontrava à beira da falência.

O felizardo adquiriu no mês de janeiro 100% do capital social da empresa, localizada na Normandia, noroeste da França, que empregava 15 funcionários e passava por um processo de falência judicial por dívidas, publicou nesta segunda-feira o jornal francês Le Parisien.

O novo milionário investiu "vários centenas de milhares de euros" para ficar com os ativos da companhia, com sua cartela de clientes e uma dezena de caminhões.

O caminhoneiro, que preferiu manter o anonimato, explicou que conservará o antigo diretor-geral no quadro de funcionários, apesar de ocupar um cargo abaixo: "Me deu pena e o autorizei a ficar", assinalou.

Também contou que vai todos os dias a seu trabalho e fica atrás do volante de um caminhão quando um dos motoristas se ausenta. "Gosto de dirigir", assegurou o homem, com cerca de 50 anos.

O novo milionário ressaltou que não tem "nenhum problema" delegar ordens, porque seus antigos companheiros de trabalho lhe respeitam: "sabem que fui motorista como eles".

"Fiz o que deveria ter feito. Tinha meios para evitar que 13 a 14 empregados ficassem desempregados e, além disso, o transporte é minha vida", manifestou o homem, que advertiu, no entanto que não seguirá com o projeto se perceber que não está ganhando dinheiro.

O ganhador da loteria explicou que desde que ganhou a fortuna, em setembro do ano passado, não teve férias, mas conseguiu comprar duas casas e uma caminhonete, e que agora terá que pagar o imposto sobre a quantia.

O novo milionário confessou também que segue preenchendo os bilhetes da loteria, com a esperança que sua sorte se repita.

Fonte: Terra