Campanha mostra Jesus tatuado e está causando polêmica no Texas

Campanha mostra Jesus tatuado e está causando polêmica no Texas

A campanha foi fortemente rejeitada por parte da comunidade.

Uma campanha que mostra Jesus tatuado está causando polêmica no Texas (EUA). Quem está por trás da iniciativa é o grupo cristão Jesus Tattoo, que espalhou cartazes pela cidade de Lubbock e fez um vídeo no qual um ator, representando Jesus, transforma tatuagens com expressões negativas em positivas. As palavras sofridas - como "desespero", "deprimido", "medo", "abandonada" e "viciada" - são retiradas da pele das pessoas e acabam tatuadas no corpo de Jesus.

"A mensagem é simples: o amor de Jesus é transformador", disse Ashleigh Sawyer, relações-públicas da organização, que diz não ser ligada a nenhum grupo religioso.

Mas a campanha foi fortemente rejeitada por parte da comunidade.

"Não gostei. Achei muito depreciativo", disse um morador à afiliada da CBS em Lubbock.

Outro morador declarou que a peça publicitária é uma "blasfêmia".

Entretanto, de acordo com a ABC News, líderes cristãos da comunidade texana estão apoiando o Jesus Tattoo.

"Achei que foi inteligente porque, basicamente, mostra Jesus tirando os pecados das pessoas e as cobrindo com um novo começo", afirmou o pastor batista David Wilson.

O Jesus Tattoo disse considerar a polêmica "bem-vinda".

Fonte: O Globo