Carrasco do Flu na Libertadores, Bolaños é baleado no Equador

Carrasco do Flu na Libertadores, Bolaños é baleado no Equador

De acordo com a imprensa equatoriana, jogador não corre risco de morte

O meia Luís Bolaños, da Liga Deportiva Universitária (LDU), foi baleado no braço na tarde desta sexta-feira, em Quito. Abordado por dois homens em uma moto, o jogador, que estava acompanhado de sua esposa, se recusou a entregar o carro próximo ao centro comercial "Quicentro", na capital equatoriana, e foi atingido por um tiro. Levado para o hospital, ele recebeu os primeiros atendimentos e está internado. Segundo a imprensa local, o atleta não corre risco de morte.

O jogador está na emergência do hospital Metropolitano, em Quito, na companhia de alguns familiares, que preferiram não passar informações à imprensa equatoriana. Os disparos ocorreram após Bolanõs ser abordado e tentar arrancar com o carro para escapar do assalto. O atleta acabou acertando outro veículo ao tentar escapar dos assaltantes. A polícia está investigando o caso para saber se foi um fato isolado ou crime premeditado.

Bolanõs ficou conhecido do torcedor brasileiro ao marcar um dos gols da LDU na final da Libertadores de 2008, contra o Fluminense, no Maracanã. A equipe equatoriana acabou ficando com o título do torneio continental. No ano seguinte, o apoiador defendeu o Santos e em seguida o Internacional. Sem sucesso, ele retornou para o Equador.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com