Centenas de cobras mortas são encontradas em casa de professor primário

A casa pertencia a um professor de escola primária e foi localizada depois que vizinhos se queixaram do mau cheiro

A polícia descobriu o que definiu como uma ?casa de horrores? em Santa Ana, na Califórnia, nos Estados Unidos. O imóvel, de aparência normal, tinha centenas de cobras e roedores mortos dentro de sacos plásticos. A casa pertencia a um professor de escola primária e foi localizada depois que vizinhos se queixaram do mau cheiro.

A polícia encontrou 400 cobras, das quais pelo menos 220 estavam mortas. A supervisora do departamento de animais da polícia, Sondra Berg, disse ao jornal britânico Metro estar chocada com o que foi encontrado: ?Casa de horrores é a melhor forma de descrever. Tinha tantas cobras mortas... algumas há meses, outras há pouco tempo. E há uma infestação de ratos e camundongos em toda a casa. Tem ratos presos em tubos de plástico que estão canibalizando uns aos outros?.

O dono da casa, William Buchman, foi preso por suspeita de crueldade com animais. Ele disse à polícia que estava envolvido com uma empresa de criação de cobras. Segundo as autoridades, quatro dos cinco quartos da casa estavam cobertos do chão ao teto com caixas de plástico em prateleiras. As caixas estavam tão apertadas que eles nem precisavam de tampas, já que não havia espaço para as cobras deslizarem para fora. Alguns dos répteis eram pouco mais que esqueletos, outros ainda estavam cobertos de moscas e vermes.


Centenas de cobras mortas são encontradas em casa de professor primário, na Califórnia

Centenas de cobras mortas são encontradas em casa de professor primário, na Califórnia

Centenas de cobras mortas são encontradas em casa de professor primário, na Califórnia

Centenas de cobras mortas são encontradas em casa de professor primário, na Califórnia

Centenas de cobras mortas são encontradas em casa de professor primário, na Califórnia

Fonte: Extra