Enchentes forçam retirada de milhões de moradores na China

Governo aumentou alerta de desastre natural para nível mais alto

O governo chinês aumentou o alerta de desastre natural para o mais alto nível diante do aumento das enchentes nas províncias do país. As chuvas torrenciais dos últimos dias forçaram à retirada de mais de meio milhão de moradores no centro e no sul da China.

Na província de Jiangxi, no leste do país, militares ajudaram mais de 122 mil moradores a deixar suas casas em áreas vulneráveis. A provincial central de Hubei foi palco de deslizamentos que deixaram ao menos seis desaparecidos e bloqueou o curso do Rio Pingdu, levando cerca de 2 mil moradores a deixar o local.

O governo descreveu as enchentes em algumas áreas como as piores desde 1955 e mobilizou soldados para ajudar na remoção de 555 mil pessoas. Até agora, mais de 100 chineses morreram em decorrência das enchentes neste mês.

O alerta de desastre foi aumentado para o nível 4, no momento em que mais chuvas são esperadas para os próximos dias.

As enchentes ocorrem meses depois de uma seca destruir plantações de grãos no centro e no norte do país. Algumas áreas próximas ao Rio Yangtzé vivenciaram a pior seca em meio século.

Apesar da chuva, autoridades anunciaram que tanto a escassez de grãos quando os deslocamentos por conta da seca continuarão.



Fonte: IG