Estado de saúde de bebê dada como morta na Argentina é grave

Estado de saúde de bebê dada como morta na Argentina é grave

Luz Milagros está tomando antibióticos fortes, e respira com a ajuda de aparelhos

É grave o estado de saúde de Luz Milagros, recém-nascida que ficou 12 horas em um necrotério na Argentina, depois de ser dada como morta. A menina contraiu uma infecção e apresenta sinais de comprometimento neurológico. De acordo com o site rosario3.com, o peso da criança está muito baixo do normal, e ela corre risco de morte.

- É uma paciente que corre sério risco de morte, por causa do peso, associado com ao fato de ela ter nascido de seis meses - explicou Diana Vesco, que trabalha no setor de neurologia do Hospital Perrando, na cidade de Chaco, onde está internada a menina.

Luz Milagros está tomando antibióticos fortes, e respira com a ajuda de aparelhos. Ela teve ataques convulsivos e também está tomando medicação para controlá-los.

A pequena argentina nasceu no dia 6 de abril. Os médicos que fizeram o parto declararam Luz Milagros morta. A menina ficou 12 horas no necrotério do hospital, e os pais só descobriram que ela estava viva, porque insistiram para vê-la, já dentro da gaveta.

Fonte: Extra