Estátua de Berlusconi no Palazzo Ferrajoli gera polêmica na Itália

A estátua foi desenvolvida pelos artistas Antonio Garullo e Mario Ottocento.

Uma polêmica e realista estátua de Silvio Berlusconi, que retrata o ex-primeiro-ministro da Itália como se ele estivesse morto ou dormindo, está sendo apresentada ao público no Palazzo Ferrajoli, situado no centro de Roma e próximo ao Palácio Chigi - sede do Governo da Itália, atualmente ocupado pelo Executivo tecnocrata de Mario Monti.

A estátua, que chega a lembrar as figuras encontradas nos museus de cera, foi desenvolvida pelos artistas Antonio Garullo e Mario Ottocento. De acordo com os criadores, a ideia era recriar a identidade que melhor representa os ideais de Berlusconi e a figura do ex-primeiro-ministro.

Intitulada "O sonho dos italianos", a obra se inspira no mausoléu de líderes comunistas, como Lênin e Mao Tsé-Tung, e convida o público a uma grande reflexão da "era berlusconiana", como dizem os artistas.


Estátua de Berlusconi no Palazzo Ferrajoli gera polêmica na Itália

Estátua de Berlusconi no Palazzo Ferrajoli gera polêmica na Itália

Em entrevista à Agência Efe, o casal de artistas, que se casaram em 2002, em Amsterdam, declarou que este "Berlusconi adormecido" representa "a mais profundo imaginário italiano".

"Milhões de italianos se identificaram com o sonho de um Berlusconi triunfador", afirmaram Garullo e Ottocento, que explicaram que o título da obra se baseia nas próprias palavras do ex-primeiro-ministro. Isso porque, parafraseando Martin Luther King, Berlusconi disse que representava "o sonho dos italianos" ao chegar ao poder em 1994.

De acordo com os autores, Berlusconi também se costumava a apresentar desta forma nas famosas festas que marcaram o final de seu mandato e pelas quais o político ainda possui uma causa judicial por incitação à prostituição.

A obra, que foi idealizada em 2010 e concluída no final de 2011, é constituída por uma caixa de vidro (espécie de caixão) e pela estátua de Berlusconi em tamanho real, que, por sua vez, chama atenção ao retratar o ex-político morto ou dormindo com um sorriso estampado no rosto.

Os artistas ainda acrescentam um pouco mais de polêmica ao apresentar Berlusconi com uma camisa desabotoada, a calça entreaberta e com duas pantufas do Mickey Mouse. Neste caso, o objetivo era relacionar a figura do ex-primeiro-ministro com os heróis das histórias em quadrinhos.

Depois da polêmica levantada com "O Sonho dos Italianos", Ottocento e Garullo trabalham atualmente em uma escultura do papa Bento XVI, que deverá seguir a mesma linha da representação do "Berlusconi embalsamado". De acordo com os artistas, a ideia é continuar explorando o universo das figuras representativas do poder na Itália.

Fonte: Yahoo