Ex-aluno mata vice-diretora e fere diretor em tiroteio

Ex-aluno mata vice-diretora e fere diretor em tiroteio

Assustados, estudantes se esconderam na cozinha em Nebraska (EUA)

Um ex-aluno de 17 anos abriu fogo nesta quarta-feira (5) em uma escola de Omaha, no estado americano de Nebraska, matando a vice-diretora e ferindo o diretor. Assustados, os alunos, que haviam recém-voltado da folga de Natal, tiveram de se esconder na cozinha.

O acusado foi identificado como Robert Butler Jr., de 17 anos. Ele fugiu da cena do crime e acabou se matando dentro de seu carro, a cerca de 1,5 km do local do crime.

Ainda não se sabe qual foi o motivo do crime.

A vice-diretora Vicki Kaspar, de 58 anos, morreu no hospital. O diretor, Curtis Case, de 45, está em condição estável.

Butler frequentou a escola por cerca de dois meses apenas. Ele chegou em novembro, transferido de uma escola da cidade de Lincoln.

Em um post no site de relacionamentos Facebook, ele advertiu, na própria quarta-feira, que iria fazer coisas "más" e que foi a própria escola que o levou a praticar violência.

Ele disse que a escola de Omaha era pior que a que ele frequentava antes, e que a nova cidade o havia mudado. Ele pediu desculpas e apelou para que fosse lembrado pelo que era antes de afetar "a vida das famílias que arruinou".

Fonte: g1, www.g1.com.br