Garota de 17 anos amputou as pernas e um braço após madrasta pôr fogo na casa para matar seu pai

Garota de 17 anos amputou as pernas e um braço após madrasta pôr fogo na casa para matar seu pai

Josefina diz que perdoa sua madrasta, mesmo tendo que amputar suas duas pernas e parte de um braço

Ela explica que sua madrasta jogou gasolina em seu pai e ateou fogo, que rapidamente se alastrou por toda a casa.

Josefina diz que perdoa sua madrasta, mesmo tendo que amputar suas duas pernas e parte de um braço. Seu pai, Carlos Viela de 45 anos, morreu vítima do ataque furioso de sua esposa Georgina, que colocou fogo em seu corpo em um ato de extrema violência, no ano de 2011.

Na época, com 14 anos, Josefina se manteve calma e sempre declarou aos jornais que não tinha mágoa da madrasta: ?Eu sinto muito por ela. Ela destruiu a vida dela e eu segui em frente com a minha. Eu a perdoo?.

Suas queimaduras se estenderam por 60% do corpo e ela teve que ser socorrida por cinco bombeiros.

?Eu tenho vontade de conhecer esses homens para dizer-lhes como são incríveis. Eles são meus heróis?, disse.

Josefina, que é moradora de Walsall, em West Mids, no Reino Unido, disse que está treinando para competir nos Jogos Paraolímpicos de 2020.

?Eu quero mostrar às crianças que há luz no fim do túnel?, concluiu.


Garota de 17 anos amputou as duas pernas e um bra輟 ap madrasta colocar fogo em sua casa para matar seu pai

Fonte: Mirror