Garota se torna viral após responder bullying em escola com mensagens de carinho

Aluna de colegial responde ao bullying usando post-its e explode em viral do bem

Caitlin Prater-Haacke, uma aluna que vive no subúrbio de Calgary, no Canadá, teve seu armário de escola vandalizado por valentões, que levaram o seu iPad e usaram ele para postar mensagens cruéis em seu Facebook.

Mas, em vez de retaliar os valentões, a estudante decidiu aproveitar a situação para dar uma lição às pessoas e espalhar felicidade. Ela entrou na escola semana passada, munida com 850 bilhetes em Post-Its, com mensagens do tipo “Você é incrível!” e “Seja você mesmo”.

Ela grudou as mensagens nas portas dos armários de cada estudante do George McDougall High School, Colégio George McDougall, em Airdrie, Alberta, na esperança de fazer todo mundo sorrir. Ela acabou sendo punida pelos seus professores que gritaram com ela e disseram que os zeladores da escola não estavam lá para limpar sua bagunça.

“Eu não compreendo que quando minha filha sofre bullying não acontece nada, mas quando ela tenta fazer algo positivo, ela é punida.” Diz Nicole Haacke, a mãe da garota.

No entanto, apesar da reação das autoridades da escola, a comunidade se reuniu por ela e começou a espalhar Post-Its semelhantes em torno da cidade. A tendência rápidamente se espalhou para a mídia social também sob a hashtag #PositivePostIt. Até mesmo uma loja chamada Staples em Airdrie entrou na onda, dando Post-Its de graça.

A iniciativa da Caitlin culminou em um evento, o #PositivePostItDay. Sua escola, se retratando em relação a sua posição anterior, apoiou o dia e permitiu a seus alunos colocar mensagens, desde que os alunos limpassem depois.









Clique e Curta Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: razoesparaacreditar