Grávida descobre que filhos com “síndrome do envelhecimento” não vão passar dos 12 anos

Grávida descobre que filhos com “síndrome do envelhecimento” não vão passar dos 12 anos

Crianças foram diagnosticadas com sídrome de Cockayne, doença que causa feridas, catarata e nanismo.

Ella Barden, de seis anos, sofre de síndrome do envelhecimento e sua expectativa de vida é até aos 12 anos.

A menina foi diagnosticada com síndrome de Cockayne ? doença hereditária que impede a pessoa de ficar exposto à luz solar, pois corre o risco de criar feridas na pele, catarata, nanismo e envelhecimento precoce, resultando em morte prematura ? que afeta um em cada 500 mil pessoas.

Para complicar a situação, sua mãe, Jodie, está grávida de seis meses e descobriu que o bebê também nascerá com a mesma condição, segundo o site Daily Mail. Mesmo assim, ela decidiu levar a gravidez adiante.

Tanto a mãe quanto o pai, Lucas, de 27 anos, são portadores do gene da síndrome. No entanto, eles não têm conhecimento de que alguém da família tenha sofrido com esse problema.

? Temos de lidar com isso, manter o pensamento positivo e seguir em frente. Precisamos ficar juntos, pois assim iremos aumentar nossa força.

Fonte: R7, www.r7.com