Homem contrai infecção que corrói a carne e envenena o sangue ao ser arranhado pelo seu cachorro durante brincadeira

Inicialmente Chris nem percebeu o ferimento. Mas depois de 24 horas, o local começou a doer e seu músculo da perna começou a ter espasmos.

O proprietário de um cachorro quase perdeu a perna depois de contrair uma infecção grave, que corrói a carne e envenena o sangue, ao ser arranhado pelo animal durante uma brincadeira.

Chris Longley, de 29 anos, estava brincando com o animal de seis meses de idade, um pastor alemão chamado Wolfie, em um parque perto de sua casa, em Reading, na Inglaterra, quando o cão acidentalmente arranhou sua canela com a unha.

Inicialmente Chris nem percebeu o ferimento. Mas depois de 24 horas, o local começou a doer e seu músculo da perna começou a ter espasmos.

Chris Longley quase perdeu a perna após ter contraído grave infecção ao ser arranhado por cão de estimação durante brincadeira com o animal na Inglaterra.

Ele foi internado em seguida no hospital, com uma infecção de pele grave e septicemia, depois que bactérias causaram uma necrose no tecido da perna.

Os médicos do Hospital Royal Berkshire alertaram que um atraso na procura de assistência médica poderia ter resultado na amputação da perna, ou até mesmo em uma septicemia mais grave, que poderia ocasionar a morte.

O homem disse não culpar o cão, que mal sabia o estava fazendo durante a brincadeira.

Ele voltou para casa, mas ainda tem feito o uso de fortes analgésico e antibióticos. Apesar de ter ficado com uma enorme cicatriz na perna, Chris garantiu estar aliviado de não ter perdido a perna.



Clique e curta o Portal Meio Norte no facebook

Fonte: Gadoo