Homem é preso por atos indescentes em drive-thru do McDonald

Ele havia pedido um lanche e, quando a empregada foi lhe entregar, começou a cometer o ato indiscreto.

Um flagrante levou um homem de 45 anos à prisão por seus atos indecentes em dois drives-thru do McDonalds. Nos dois estabelecimentos ele se excitou e praticou atos obscenos na frente de clientes.

Cory D. Peterson enfrenta dois anos de liberdade condicional e US$ 1535 em multas judiciais por não contestar as acusações de exposição indecente. O incidente ocorreu em setembro, em Bay City, Michigan, nos EUA. Segundo informações, o acusado apareceu no drive-thru e se expôs cometendo o ato íntimo para os funcionários. Ele havia pedido um lanche e, quando a empregada foi lhe entregar, começou a cometer o ato indiscreto.

“Eu estava chocada quando vi”, comentou a funcionária que presenciou a cena. “Tenha um bom dia”, disse o acusado após cometer o ato antes de ir embora.

Poucos minutos depois, o homem foi para outro drive-thru e novamente realizou a cena. Desta vez ele precisou aguardar seu lanche, fazendo com que policiais conseguissem chegar e prender o homem.

Os oficiais encontraram Cory realizando o ato indecente.

Clique aqui e curta a página do meionorte.com no Facebook

Fonte: Gawker