Homem engana idosa de 77 anos e rouba bilhete de loteria de R$ 3,2 milhões

Ele disse à mulher que ela não tinha sido premiada e se ofereceu para jogar o bilhete no lixo

Um funcionário de uma casa lotérica na Inglaterra enganou a pensionista Maureen Holt, 77 anos, ao dizer que seu bilhete premiado de R$ 3,2 milhões não tinha nenhum valor.

Quando ela pediu ao funcionário Farrakh Nizzar, 30 anos, que checasse os números do bilhete, ele disse que ela não havia sido premiada e se ofereceu para jogar o bilhete no lixo, de acordo com o tabloide britânico ?Daily Mail?.

Com o bilhete na mão, ele reivindicou o prêmio por telefone, mas foi descoberto quando disse erroneamente o local onde o bilhete havia sido comprado. Desesperado por ter sido pego, ele pediu férias aos seus chefes para fugir. Os responsáveis por entregar o prêmio contataram a polícia, que acabou descobrindo o paradeiro de Nizzar. Ele acabou confessando a fraude no tribunal e será julgado no dia 20 de agosto. Depois do episódio, Maureen, casada e mãe de sete filhos, foi comunicada que era a verdadeira ganhadora do prêmio.

?Eu não acredito que ele fez isso, mas ao menos foi pego?, disse ela, que já conhecia o funcionário há um ano. ?Eu achava que ele era um cara legal. Ele conhece eu e meu marido pelo nome, sempre perguntava pela minha filha. Sinto pena dele por ter feito isso. Muita gente ligou pra ele, mas ele não foi o sortudo dessa vez?.

Ahmed, o chefe de Nizzar, ficou decepcionado com a atitude de seu funcionário. ?Estamos chocados com o que ele fez. Não tínhamos nenhuma ideia do que tinha acontecido?, afirmou. ?Ele disse que tinha ganhado na loteria. É uma mudança de vida?, contou.

Maureen afirmou que o dinheiro significará muito para o seu marido, porque ele finalmente poderá deixar o trabalho e juntos eles poderão aproveitar a aposentadoria. O primeiro plano deles é fazer uma viagem para a Espanha. Depois eles pretendem comprar um carro novo, fazer umas melhorias na casa e ?mimar? a família.



Fonte: Época