Homem que atacou uma creche é executado

Segundo declarou Xu, o motivo do ataque, que deixou quatro pessoas gravemente feridas

Um homem que atacou 29 crianças e três professores com uma faca de cozinha no dia 29 de abril em uma creche da província oriental chinesa de Jiangsu foi executado hoje, informaram fontes oficiais do país.

Xu Yuyuan, de 47 anos, foi executado depois que um tribunal da cidade de Taizhou o condenasse à pena máxima no dia 15 de maio por "tentativa de homicídio".

Segundo declarou Xu, o motivo do ataque, que deixou quatro pessoas gravemente feridas, foi sua raiva contra a sociedade por ter perdido dinheiro no jogo e nos negócios e sofrer revezes pessoais.

Embora o condenado tenha apelado contra a severidade da sentença já que não houve vítimas fatais na agressão, um tribunal superior e, posteriormente o Supremo, confirmou a pena máxima ao considerar a intencionalidade e a brutalidade do ataque à creche Zhongxin da cidade de Taixing.

Fonte: g1, www.g1.com.br